POEMAS DE GUERRILHA traz fatos e situações que muitos de nós desconhecemos ou insistimos em não ver, tornando verdadeira a ideia de que só conhecemos um assunto quando alguém escreve sobre ele.

Não é um livro de ideologia, luta armada ou atos revolucionários e violentos. Pelo contrário, é a declaração de uma guerra pouco convencional, em que a poesia é usada como arma filosófica contra a intoxicação emocional e intelectual da humanidade.

A obra fala de solidão, da sombra, do medo, do gélido, da loucura, da doença, da raiva e da morte. Enfim, fala das humanidades e exalta o trágico na intenção de nos tornar mais humanos, já que representa aquilo que, em muitos momentos, acontece a cada um de nós.

“Não se trata de uma visão pessimista, ressentida, ou de uma visão trágica de mundo. Afinal, nós os humanos vivemos no caos, pois a sociedade elicia a guerrilha. Os tempos mudam, mas a essência humana não. E ela precisa ser compreendida nas suas dores, nos seus deslizes e nos seus pecados. O sofrimento e a dor fazem parte. “

TÂNIA MARA COSTA LEITE Acadêmica da Academia Municipalista de Letras de

 

Autor: FABIANO MARTIS REIS

Dimensões: 14x22

Nº de páginas: 214

Poemas de guerrilha

R$49,90Preço